22 de set de 2011

Governo do Mato Grosso do Sul lança Concursos Público

Governo do Estado de Mato Grosso do Sul,  abriu concurso público para preenchimento de vagas de professores na Rede Estadual de Ensino. Para ver o edital, publicado nesta quinta-feira (22) no Diário Oficial de MS, clique aqui.

21 de set de 2011

CAPACITAÇÃO

SED realiza formação sobre o Sistema de Gestão de Dados Escolares (SGDE) e  Prestação de Contas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Participarão das capacitações os Secretários, os Supervisores Escolares e  os NTEs.
Para melhor organização, os municípios serão divididos em nove grupos. Acompanhe a matéria completa no site da Sed,  no link abaixo:  

20 de set de 2011

 Oficina Pedagógica: Bullying

Aconteceu ontem 19/09 no período matutino e vespertino na sala de reunião da Gerência de Educação, Cultura e Esportes, a Oficina Pedagógica com o tema Bullying, para os Coordenadores e professores das salas de tecnologia da REME.
Apresentando como sugestão o Projeto: Bullying!Tô Fora!
A mesma foi conduzida pelos Professores Multiplicadores do NTE Márcio Albino, Maria Aparecida Pereira dos Santos Ribeiro e pela Gerente de Núcleo de Educação Dagmar Santelli.


 

Título do projeto: Bullying! Tô Fora!
Tema: Bullying
Órgão Coordenador e Órgão executor: Nome da escola..........................
Idealização e Elaboração: Maria Aparecida Pereira dos Santos Ribeiro e Márcio Albino
Responsáveis pela execução:Coordenação e professor da STE
Público Alvo: Alunos de 1º ao 9º ano
Duração: Dois meses
PROBLEMÁTICA: A INCIDÈNCIA DO BULLYING EM NOSSA ESCOLA

JUSTIFICATIVA DO PROJETO 
Pela incidência do crescimento das práticas de violências, preconceitos e discriminação que se nota na sociedade e também na escola, torna um desafio para os profissionais da Educação e pais estar combatendo essas práticas.
Sabendo que muitas dessas práticas podem acarretar no educando dificuldades de aprendizagem e ainda pode desencadear traumas.
É função também da escola estar oferecendo subsídios para seus educandos se tornar cidadão responsável e crítico diante de circunstâncias que são apresentadas ao longo de sua vida.
Sendo assim justificamos a necessidade de desenvolver ações que dissemine o conceito de Bullying e seu contexto usando estratégias de conscientização a todo segmento da Escola.
Acreditamos que com a participação de todos podemos estabelecer nossas próprias normas e ações para erradicar o bullying em nossa escola, tornando a mesma um ambiente agradável e acolhedor que busca o respeito as diferenças seja ela qual for.
Por ser um trabalho complexo é necessário o empenho de todos na mudança de postura e no envolvimento nas ações proposta
 OBJETIVO GERAL
Estimular a mudança de atitude, reconhecendo a importância da boa convivência, do respeito às diferenças, colocando em prática as boas maneiras e assim desenvolvendo atitudes solidarias com tendência para bem.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
·      Conscientizar os educandos sobre a importância da boa convivência enquanto educando, cidadão, amigo, filho
·      Esclarecer o que bullying
·      Reconhecer que o ser humano é um ser sociável e precisa exercitar a boa convivência com todos
·      Desenvolver nos educandos as boas maneiras
·      Resgatar o respeito pelas diferenças, aos mais velhos, ao pais, aos professores
·      Proporcionar um ambiente escolar acolhedor e seguro, sem preconceito e discriminação
·      Favorecer situações de compreensão e vivenciar os princípios éticos: respeito, diálogo, disciplina, autonomia, solidariedade, amor ao próximo, amizade, cooperação entre outros
·      Identificar possíveis agressores e vítimas 
Metodologia  
O projeto será realizado por Atividades.

1ª Atividade
1.   Criação do mural para exposição das atividades
2.  Apresentação de vídeos sobre o tema bullying
3.  Sondagem dos conhecimentos prévios sobre o assunto
4.  Pesquisa de conceitos e ações de bullying e expor
5.  Produção de cartazes por série/ano por semana e exposição 
Exemplo: Semana1 - 9º ano.

2ª Atividade
1.   Trabalhar e explorar imagens sobre bullying com todos os anos
2.  Debate sobre o assunto
3.  Produção do contrato didático da sala – normas e regras (respeitar horário, diferenças, trabalho em equipe) por série/ano
4.  Entrevista com pais, tios, professores e outras pessoas (diferentes faixas etária) para uma determinada serie e depois construção do gráfico para exposição. Exemplo 7º ano
1.   Quais eram os apelidos mais comuns naquela época?
2.  Se sofreram com apelidos. Como lidaram com essa situação? Hoje na vida adulta, guarda algum rancor? Como se sente quando se lembra dessa época?
3.  Se alguém foi às “vias de fato” (agressão física) com os colegas que criavam e apontavam defeitos nos outros?
4.  Se teve alguém que sofreu bullying. Como agia diante dessa situação? Como era seu comportamento na sala quando era afrontado?
5.  Quais eram as brincadeiras de mal gosto?
6.  Ficaram marcadas em sua vida adulta?
Após a entrevista fazer um momento para discussão das entrevistas ( aluno vê para todos) ao final faz se uma conclusão da existência do bullying sempre que existe agressões, humilhações
OBS. Na semana seguinte, os jovens devem reunir o material obtido. O conjunto de narrativas dará a cada um a oportunidade de se identificar com os entrevistados e também de se colocar no lugar de quem é perseguido, achacado, discriminado, humilhado e ridicularizado ainda hoje.
Sugestão: momento para o professor mediar à discussão e ressaltar a auto-estima.

3ª Atividade
1. Trabalhar e explorar imagens sobre a importância da Amizade com todos os anos
2. Debate sobre o assunto
3. Formação de frases, slogans. acróticos
4. Exposição no mural

4ª Atividade
1.   Palestra com profissional qualificado sobre o assunto (alunos reunidos no pátio e/ou por sala)
2.  Redigir folder anti-bullying por uma determinada série/ano para exposição
Exemplo: 8º ano
3.  Revisão do contrato didático que deverá ser construído durante a realização do projeto por todas as turmas.

5ª Atividade
1.   Apresentação do filme que retrata o Bullying
Sugestão:
Mãos talentosas para 7º ao 9º ano
Moda Amarela para 4º ao 6º ano
Dumbo – Ed. Infantil ao 3º ano

2.  Debate sobre o assunto o filme
3.  Produção de texto tema: Bullying, to fora por todas as séries
Exemplo:
·     1º e 2º ano - desenho
·     3º ano – Frases Coletivas
·     4º ano – Frases ilustradas
·     5º ano, - Poesia
·     6º - Carta enigmática
·     7º - Listas de ações para evitar o bullying na escola
·     8º Folder
·     9º - Paródia
4.  Exposição dos melhores textos

6ª Atividade

5.  Encerramento do projeto:

·     8º ano – Leitura do Folder e distribuição para os alunos e convidados
·     9º ano – Apresentação de uma paródia
·     Dramatização da música Depende de Nós e A paz a gente faz (Todos os anos (montar uma equipe com alunos de todos os anos para representar a musica) –

·     Sugestões para encerramento:
6.  Alunos participantes do Projeto reunidos no pátio
7. Estender o convite a pais, coordenadores da gerência e multiplicadores do NTE.
RECURSOS

Vídeos sobre o tema
Imagens sobre o bullying
Filme sobre o tema
Internet para pesquisa
Computador para produção de folder

CRONOGRAMA
Indicado para dois meses ou mais

Referencias:

Fenômeno Bullying: Como Prevenir a Violência nas Escolas e Educar para a Paz (224 págs., Ed. Verus, ).


14 de set de 2011

REALIZADA OFICINA SOBRE A 
REFORMA ORTOGRÁFICA 

Com o objetivo de auxiliar os professores de Língua Portuguesa a trabalharem os conteúdos curriculares na sala de tecnologias, a professora multiplicadora Cleusa Maria Sarturi Pereira, está desenvolvendo oficinas  com o intuito de disponibilizar sites e softwares disponíveis na internet que podem ser acessados pelos alunos para desenvolver testes e jogos. A primeira Oficina foi realizada ontem, dia 13/09/2011, e trabalhou com atividades especificamente relacionadas às mudanças trazidas pela Reforma Ortográfica da Língua Portuguesa.
A equipe do NTE parabeniza a todos os professores pela dedicação profissional demonstrada no interesse pelas oficinas e cursos oferecidos por este Núcleo de Tecnologia.



12 de set de 2011

Oficina Pedagógica




Aconteceu no dia  06/09/11 nas dependências da Sala de Tecnologia da Escola Prof. Milton Dias Porto a OFICINA INOVANDO A PRÁTICA PEDAGÓGICA COM ATIVIDADES INTERATIVAS
Público Alvo: Professores do 1º ao 5º ano
Ministrante: Professora Multiplicadora Maria
Colaboradoras: Professoras da STE Ana Adélia e Rosa Maria

Teve uma avaliação positiva veja o resultado da Enquete abaixo:


8 de set de 2011

Curso Formação pela Escola
Inscrições Abertas:
O curso trabalha as Políticas Públicas da Educação e é dividido em 7 módulos de 40 horas cada.  Sendo opcional ao cursista o número de módulos que irá fazer.
 Competências Básicas
PDDE – Programa Dinheiro Direto na Escola
PLI – Programa do Livro
PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar
FUNDEB – Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação
PTE – Programa do Transporte Escolar
Prestação de Contas

 O curso será no ambiente moodle, com dois encontros presenciais a cada módulo de 40 horas.  Estão sendo oferecidas duas turmas, uma com os encontros na quarta feira às 19horas e outra com os encontros presenciais aos sábados as 7h e 30 min.
·         Início do Curso: 14 de setembro 2011 às 19 horas.
·         Inscrição: 29/08/2011 até 09/09/2011
·         Duração por módulo: 40 horas
·        Público Alvo: Toda a comunidade Escolar (prof, coord. direção, administrativo, educador de creche, APM, conselheiros da Alimentação (CAE), FUNDEB e outros).
·         Pré-requisito: Ter conhecimentos básicos de informática.
Maiores informações: Nelci Hasper no NTE  Fone: 0800-647-5560

UFGD lança Mestrado e Doutorado
em várias áreas


Acesse o link: http://www.ufgd.edu.br/noticias/ufgd-publica-nove-editais-para-ingresso-em-mestrados-e-doutorados e obtenha maiores informações sobre o Programa de  Pós-graduação da Universidade Federal da Grande Dourados. 



6 de set de 2011

Independência do Brasil


Em de 7 de setembro de 1822, ocorreu o chamado "Grito do Ipiranga". De acordo com a historiografia clássica do país, nessa data, às margens do riacho Ipiranga (atual cidade de São Paulo), o Príncipe-regente D. Pedro de Alcântara bradou perante a sua comitiva: 'Independência ou Morte!', fazendo do Brasil uma província independente de Portugal" (Fonte: Wikipédia).


5 de set de 2011


Tablets nas Escolas Públicas


A partir do próximo ano os alunos de escolas públicas terão de dividir a atenção dada aos cadernos, livros e lousa com os tablets. Segundo o ministro da Educação, Fernando Haddad, o MEC vai disponibilizar "centenas de milhares" de unidades com o objetivo de universalizar o acesso à tecnologia na sala de aula.

A informação foi repassada nessa quinta-feira pelo ministro da Educação, Fernando Haddad, durante palestra a editores de livros escolares na 15ª Bienal do Livro. Segundo Haddad, o edital para a compra dos equipamentos será publicado ainda este ano. “Estamos investindo em conteúdos digitais educacionais. O MEC investiu, só no último período, R$ 70 milhões em produção de conteúdos digitais”, comunica.  O edital prevê produção local, totalmente desonerada de impostos e já tem o aval do Ministério da Fazenda.

O ministro reconheceu que o Ministério da Educação enfrenta um processo de transformação. “Precisamos, agora, dar um salto com os tablets. Mas temos que fazer isso de maneira a fortalecer a indústria, os autores, as editoras, para que não venhamos a sofrer um problema de sustentabilidade, com a questão da pirataria.”

A iniciativa do MEC tem apoio do Ministério da Ciência e Tecnologia, comandado pelo ministro Aloísio Mercadante. Os discursos estão alinhados. Há pouco mais de um mês, Mercadante manifestou a ideia de forrar as escolas públicas com tablets. Foi além: disse que pretende seguir exemplos bem-sucedidos de países que trocaram os livros de papel pelas pranchetas digitais.

"Queremos levar [o tablet] para a escola pública e fazer como outros países já estão fazendo. Taiwan já acabou com o livro didático, só tem livro na biblioteca. O aluno lê toda a bibliografia por meio do tablet que também é um caderno eletrônico. A Coreia, em dois anos, não terá livro didático. É o próximo passo do nosso projeto”, afirmou Mercadante.

Com informações da Agência Brasil

Redação Adnews

1 de set de 2011


Ensino à Distância

O ensino à distância tem se tornado cada vez mais presente e, ao mesmo tempo, mais buscado atualmente, porque apresenta uma modalidade de ensino capaz de romper as distâncias entre professor-aluno e vice-versa, além de oferecer uma forma de inclusão daqueles que não tiveram ainda a oportunidade de fazer um curso superior ou até mesmo, uma formação continuada em sua área de atuação.
Em termos de qualidade, pode-se dizer que, na grande maioria dos casos, esta é mantida, pois existe não só uma preocupação muito grande em adequar o tempo disponível do aluno, como oferecer um ensino de qualidade, onde nada se perca.
Um a dica para entender a Educação à Distância é fazer a leitura sobre o assunto, na Revista EaD-Tutor,  consultando o link: http://www.anated.org.br/revistaeadtutor/
Colaboração: Cleusa Sarturi – Multiplicadora do NTE-Naviraí.



Oficina pedagógica para professores do 

3º ao 5º ano

  

No dia 30/08/2011 foi realizada Oficina Inovando a Prática Pedagógica  com atividades Interativas nas dependências  da sala de tecnologia educacional da Escola Municipal José Martins Flores direcionada aos  professores do 3º ao 5º ano.
Teve uma avaliação bem positiva veja o resultado da Enquete abaixo:


OFICINA DE LÍNGUA PORTUGUESA


CONTEÚDO: Mudanças na Língua Portuguesa trazidas pelo Acordo Ortográfico.
PÚBLICO ALVO: Professores de Língua Portuguesa.
CARGA-HORÁRIA: 1h30min
OBJETIVO: Utilizar as tecnologias para ensinar de forma diferente as mudanças trazidas pelo Acordo Ortográfico na Língua Portuguesa.
METODOLOGIA: Na sala de tecnologias, utilizando recursos da web, far-se-ão estudos e atividades práticas que poderão ser trabalhadas com os alunos.
MODALIDADE: Presencial
PRÉ-REQUISITO: conhecimentos básicos sobre navegação na internet
LOCAL: NTE- Núcleo de Tecnologias Educacionais
DATA: 13/09
HORÁRIO: 17h30min – 19h
INSCRIÇÕES: com os professores da sala de tecnologias ATÉ O DIA: 06/09/2011.
INFORMAÇÕES: No NTE, com a multiplicadora Cleusa Sarturi ou pelo:
- telefones: 3461-9969 / 0800-647-5560 
- celular pessoal: 9294-6744(claro)